+ Miley Cyrus: “Defensores da lei homofóbica de Indiana são dinossauros e estão a morrer”
Posted on: 04 Abril, 2015 by aiav Filed Under: Artigos, Entrevistas Comentários: Nenhum comentário

A nova lei religiosa de Indiana, que permite que líderes religiosos podem descriminar contra a comunidade gay, tem atraído críticas de Ashton Kutcher, Hillary Clinton e o CEO da Apple, Tim Cook.

A última celebridade a falar: Miley Cyrus, que partilhou a sua opinião com a TIME como parte da conversa sobre o futuro da música e a cultura jovem:

Eu vivi uma vida onde eu tinha que ser alguém diferente todos os dias e tinha que ser uma personagem, e não foi necessariamente aquilo quem eu queria ser. E agora dediquei a minha vida a ser quem eu quero ser e a constantemente aprender e a desenvolver.

É aí o que está errado com eles [apoiantes da lei de Indiana] – eles não escolhem viver daquela maneira. E se não escolhes viver assim, não vais durar muito nesta geração porque vamos evoluir. Eles são dinossauros, e estão a morrer. Nós somos a nova geração e com isso vem muita coisa.

Nós estamos a andar para a frente. Por muito que sejamos distraídos por leis estúpidas que nos fazem sentir que estamos a regredir, não estamos. Nós estamos a progredir porque é a nossa hora como jovens. É um movimento. Há tanto que os jovens querem fazer, mudar e ver, e acho que muito vem das redes sociais.

Pus uma coisa hoje no meu Instagram sobre como as pessoas estão a tentar mostrar que a lei de Indiana é uma coisa que não é. Eles estão a tentar mostrar que não é descriminatória. É confuso para os meus fãs, por isso fico feliz [por falar disto]. Eles não darão ouvidos ao Tim Cook, provavelmente. Mas eles vão me ouvir, sabes? E as pessoas vão começar a ouvir, acho.

Fonte | Tradução: Miley Forever Fans






Comenta

Comment: