+ Miley em entrevista ao Toronto Sun
Posted on: 17 Julho, 2013 by aiav Filed Under: Artigos, Projectos Comentários: Nenhum comentário

A ex-estrela de Hannah Montana, agora com 20 anos, diz que o seu novo single We Can’t Stop inicia a entrada do seu quarto album e tour de 2014.

“Pessoas não se apercebem o quão divertido é quando estou a fazer coisas,” Cyrus diz num quarto de hotel em Manhattan.

“Eles estão, ‘Sente-se mesmo que não se pode parar.’ É sim!’… O que está a fazer o meu novo álbum consistente é o facto de que (as músicas são) todas diferentes e isso é onde estou. Estou no ponto onde eu sei quem eu sou mas ainda não acabei de me descobrir e não acabará até eu estiver na lama.”

Quanto ao vídeo de We Can’t Stop, que já tem 75 milhões de views no YouTube,  Cyrus, usando um cabelo loiro e curto, acha que sabe a razão pela qual o vídeo causou tanto furor.

“As pessoas estão sempre a ver tipo, ‘Gato fofo a brincar,’ por três horas e muitas mais estão a ver um vídeo musical. E isso é porque as faz feliz, fá-las rir,” diz Cyrus, que está noiva do ator Liam Hemsworth (e a usar o anel neste dia).

“Então eu quis que o meu vídeo fizesse as pessoas rir porque eu sou a primeira pessoa que faz piadas à minha custa. A minha madrinha é Dolly Parton que está constantemente a fazer piadas sobre ela. Ela é tipo, ‘Custa muito parecer assim tão vulgar, querida.’… Eu queria que o vídeo fosse assim.”

E Cyrus, de cabeça aos pés de preto e com brincos de ouro de vintage Chanel, adora a sua moda. Usando um colete de couro de Phillip Lum, calções de Moschino com pérolas, e botas da Versace, ela completa “Eu sou boa de saltos. Estou equilibrada. Sempre estive.”

O seu cabelo curo – que parecia um sinal do início da sua nova fase na vida – significa isso.

“Ninguém planeou em ter um corte de cabelo para mudar a minha vida,” Cyrus diz. “Eu não planeei para que o meu cabelo mudasse a minha vida. Eu cortei o cabelo e depois mudei a minha vida. Existe algo em não ter cabelo que grita ser confiante. E eu penso especialmente nisso porque as pessoas gostam de por as pessoas numa caixa, quero dizer eu já fui chamada muitos nomes desde que cortei o cabelo.”

“Toda a gente dizia que eu era lésbica mas eu digo, ‘Ser lésbica não é mau. Por isso se pensas que eu pareço lésbica, não fico ofendida. Podes me chamar coisas piores.’ Já fui chamada muito pior. Ser lésbica é um mais um elogio do que o resto que eles me chamam.”

Cyrus está na boa agora.

“As pessoas pensam no cabelo curto, pensam em maria rapaz… e eu obviamente sou o oposto porque quando cortei o cabelo fiz a minha primeira capa na Maxim quando fiquei em nº1 (na sua lista anual das mais sexy). E não era por eu ser a mais sexy. Era sobre os fãs votarem. Mas é algo que eu adorei. Eu não acho que viram uma rapariga na capa da Maxim com cabelo curto.”

 

Tradução: MileyForeverFans






Comenta

Comment: