+ Entrevista Para Site Britânico
Posted on: 25 Abril, 2010 by aiav Filed Under: Notícias Comentários: Nenhum comentário

 

Miley Cyrus e sua mãe Tish Cyrus choraram quando assistiram o filme The Last Song pela primeira vez. Isso porque a história do filme retrata praticamente o que a mãe de Miley passou na sua vida.

“Não foi baseada nela, mas é parecida com a história da minha mãe. A minha mãe perdeu o pai dela quando tinha 18 anos, a mesma idade que a minha personagem Ronnie, no filme. Foi inspirador para mim ver como a minha mãe era enquanto eu filmava o filme. Todas as vezes que ela estava emocionada, eu pensava na minha mãe. Foi difícil para ela, mas também foi empolgante ver a história ser contada.
Acho que toda a gente saiu do cinema a chorar. A minha mãe chorou não só porque ela estava triste, mas porque estava orgulhosa do filme que fizemos. Ela amou.”

Sobre filmar durante as férias de Hannah Montana, ela disse:

“Foi bom ter um tempo sem filmar a série e fazer alguma coisa mais dramática. Uma parte disso deixa-me triste, porque a série tem sido como o meu cobertor de segurança. Mas outra parte de mim está feliz porque começa outro capítulo da minha vida. Só porque eu vou sair da série não significa que eu não agradeço o que isso me trouxe.”

Sobre o beijo no filme, ela comentou:

“É o que tu fazes por um trabalho. Se leres o guião e se tu sentires estranha por isso, então não deveria aceitar o papel. Liam é vários centímetros mais alto que eu, então é interessante fazer a cena com alguém que é muito mais alto porque tu actuas em cima de uma caixa de massa [risos]. Mas eu trabalho com o meu pai que é muito mais alto que eu e costumava ficar em cima de alguma coisa quando fazia uma cena.”

Uma das suas cenas favoritas foi a de nadar com os peixes:

“Eu amo poder nadar com os peixes. É óptimo poder filmar uma cena a fazer algo que nunca pensaste que irias fazer na tua vida.”

Sobre tocar piano, Miley comentou:

“Talvez seja mais fácil porque eu já toco viola. Aprendi a tocar como uma dessas pianistas clássicas – o modo como sentar e olhar para o piano. É muito mais sobre disciplina do que apenas tocar. As aprendizagens são parte do meu trabalho e eu amo isso. Tantas pessoas sonham em aprender alguma coisa como esta e eu tive a oportunidade de aprender a fazer um filme.”

Sobre trabalhar com Greg Kinnear:

“Foi bem fixe trabalhar com ele, ele é bem parecido com meu pai. É muito engraçado e todos estavam apaixonados por ele no set. Ele é como uma figura paternal para mim enquanto eu filmava. Nós sentávamos e conversávamos. Tivemos uma óptima relação o que acho que transparece no ecrã.”

Sobre uma festa de 18 anos, ela disse:

“Eu não tenho grandes planos ainda. Tenho a certeza que terei uma festa ou algo do tipo. O presente perfeito eu já ganhei, que foi um cachorrinho da minha mãe. Era algo que eu realmente queria, então fiquei muito feliz. Foi provavelmente um dos melhores presentes que já recebi. Mas não sei o que quero este ano – quero que os meus amigos sejam criativos.”

Sobre trabalhar com sua vida exposta:

“É difícil. Às vezes sinto que tenho feito de Hannah Montana por cinco anos e queria apenas um dia para ficar com os meus amigos. Mas vale a pena porque faço o que gosto que é meu trabalho.”

Fonte: Daily Record






Comenta

Comment: